domingo, 3 de maio de 2015

sábado, 2 de maio de 2015

Hall da Fama - Poker 443 - 01/05/2015

Foi uma semana conturbada para o poker semanal do CEB. O jogo ia ser na quarta, mas não foi, porque alguns tinham desculpinhas para não ir. O jogo ia ser na quinta, véspera de feriado, mas nãããão. "Ah, está muito tarde", "Ah, estou bêbado". E nada de poker.

Surgiu a chance de ser na sexta, mas novamente alguns integrantes estavam fazendo de tudo para dar para trás. Nessa história toda, apenas uma pessoa realmente se esforçou e tinha honesto desejo para que o poker acontecesse: eu. E os Deuses do Poker gostam disso.

Nos encontramos no Apê Animal e organizamos as fichas, finalmente.  Depois daí, foi só deixar o baralho resolver. Uma quadra de 7 aqui, um full de 10 e 8 ali, uns dois rivers salvadores, outro full de J e 6 e uma daminha goxtosa no turn fizeram o serviço.

Campeão: Mauro
Vice: Picerni

segunda-feira, 27 de abril de 2015

quinta-feira, 9 de abril de 2015

quarta-feira, 1 de abril de 2015

sexta-feira, 20 de março de 2015

História

A maior parte do que acontece no nosso dia a dia sequer merece ser registrado. E não é. Perde-se. Não vira nem memória.

Algumas coisas, no entanto, nosso cérebro decide guardar. Fatos, imagens, cheiros, sensações que viram memória, mas não viram história.

Outras coisas, poucas, se pensarmos no universo de tudo que nos acontece ou a que somos expostos, ganham o privilégio de virar memória e depois, numa mesa de bar, estória. Mas ainda não viram história, não merecem a imortalização do branco no preto.

Pouquíssimos acontecimentos ganham o privilégio de virar história, mas a maioria vira uma história pessoal, como se fosse um diário de bordo que ninguém vai ler.

Mas a vida não teria graça se fosse apenas isso. A graça da vida é proporcionada pelos acontecimentos raros que nos marcam, que definem a história da humanidade, que são lidos, contados e recordados por gerações.
Acontecimentos que nos assombram, como terremotos, tsunamis, furacões.
Novidades que nos mudam para sempre, como o rádio, a televisão e a internet.
Façanhas que nos inspiram, como a conquista da Lua pelo homem, os 100 metros rasos em menos de 10 segundos, o salto da estratosfera e o tricampeonato brasileiro.

Começo de 2015, mais uma façanha que nos inspira a vencer limites foi alcançada, mais um capitulo da história da humanidade foi escrito.
Um feito de Superação, Técnica, Preparo, Leitura.
Um feito gigante, que entra para a História, com "agá" maiúsculo.
Um fenômeno que deve ser contado de maneira sóbria, sem rodeios, pois assim são os grandes feitos:

19 de Fevereiro de 2015.
Rua Flor de Ipê, 59
C.E.B.
Poker
Campeão: Dani
Vice: Moni

26 de Fevereiro de 2015.
Rua Flor de Ipê, 59
C.E.B.
Poker
BIcampeão: Dani
Vice: Moni

04 de Março de 2015.
Rua Flor de Ipê, 59
C.E.B.
Poker
TRIcampeão: Dani
Vice: Moni

11 de Março de 2015.
Rua Flor de Ipê, 59
C.E.B.
Poker
TETRAcampeão: Dani
Vice: Tonhão

19 de Março de 2015.
Rua Flor de Ipê, 59
C.E.B.
Poker
PENTAcampeão: Dani
Vice: Joes


A humanidade agradece.

domingo, 15 de março de 2015

terça-feira, 3 de março de 2015

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

domingo, 25 de janeiro de 2015

Hall da Fama - Poker 430 - Dia 21/01/15




Este é um Hall da Fama Musical. Escute as músicas quando citadas.

Comparecem ao carteado os amigos:



Tonhão, Lipe, Rafael, Vini, Brunis, Mac, Mauro, Fofs, Joes.

O jogo começa animado, com os pots rodando bastante entre os jogadores. Até que veio o Vini...



...reclamou, reclamou, chucrou, second chanceou...Vini, twist and shout pra fora daqui!

O Fofs apareceu do nada, jogou seu poker e saiu. Decidiu ir pro metrô às 23h40. Fofs,
  ou você não chega a tempo!

Brunis jogou, mas acabou pirulitando da mesa.


Mac tava jogando soltinho. Até que Joes olhou pra cara dele e falou:



Mac fora. Mauro bem que tentou contar com a sorte, mas não deu certo. Palhaçada isso aí!



Estoura a bolha!

Todo mundo preocupado com o Rafael, ninguém conhecia o jogo desse cara estranho.


O jogo do Lipe pode ser resumido a:


Retranca, whiskey in the jar e wine on the floor (derrubou a garrafa de vinho que estava em cima da geladeira).

O menino Joes estava sentado nas fichas, tinha lido regra, estudado, se preparado, mas não contava com uma pessoa:



Com o Roque! Novo amuleto dado pelo Mauro


Com um jogo conservador, e uma sequência ixperta na última mão, Joes aprendeu uma lição: "Não deixe o rock sair de você!" Fim de jogo e Tonhão campeão!




OBS: Ainda estamos procurando ele, ELE!....




sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Ranking Geral e Corrida 2015 - nº427-429

É a melhor estrutura do Brasil!